Ajuda para alcoólatras

Conseguir ajuda para alcoólatras é uma tarefa que pode parecer fácil num primeiro momento para muitas pessoas mas que se torna muito complexa quando se tem conhecimento real sobre o que é o alcoolismo. Trata-se de um assunto muito importante que na verdade deixou de ser uma questão social e familiar há muito tempo, se trata de uma questão de saúde pública, tanto pelo assombroso número de casos de alcoolismo, mas também por causa de todos os problemas que ele traz.

Você que está lendo este artigo pode estar à procura dessa ajuda seja porque você mesmo tem percebido que está começando a perder o controle em relação à bebida ou porque conhece alguém, seja parente ou amigo que está enfrentando essa situação e você está buscando ferramentas que possam ajudar essa pessoa a vencer a dependência. Vamos falar um pouco sobre como identificar esse problema e de que formas as pessoas conseguem vencê-lo.

Como identificar problemas com o álcool

Somos um dos países que mais consome bebidas alcoólicas em todo mundo, isso gera em nós a sensação de normalidade, que é normal beber até perder a consciência dos próprios atos (algumas de nossas músicas mais famosas falam justamente sobre isso!).

O consumo de álcool é algo tão banalizado que muitas pessoas tiveram contato com a bebida alcoólica muito antes da idade permitida pela lei, que é aos 18 anos de idade. Toda essa questão cultural atrapalha muito um julgamento racional sobre qual é o limite entre consumo moderado e vício.

Quando estamos falando de um consumo que começa a interferir em outras áreas como a saúde do indivíduo, vida familiar, trabalho e vida afetiva está aceso o sinal amarelo. Quando o indivíduo começa a viver em função da bebida, só sente alegria nesses momentos e quando não pode beber fica agressivo, triste ou inquieto isso evidencia sinais de dependência. Uma vez identificados esses sinais existem algumas opções de ajuda para alcoólatras. Vamos falar sobre as principais:

Ajuda familiar

O primeiro espaço de tratamento pra qualquer dependente químico sempre será a sua família. Entretanto isso exige primeiramente que algumas barreiras sejam quebradas, porque mesmo que a dependência não aconteça sempre por responsabilidade dos familiares, o ambiente familiar pode ser um dos fatores que leva a pessoa ao caminho do abuso em relação à bebida, tentando resolver alguma questão familiar que não foi devidamente tratada em seu interior.

Por isso que e muito importante que a família toda esteja focada em ajudar aquela pessoa. Para isso e muito importante deixar de lado os estereótipos que vemos nas novelas, porque eles não têm nada ver com a realidade.

Evite atitudes do tipo trancar a pessoa no quarto, principalmente se for um jovem, passar uma sensação de que todos desconfiam daquela pessoa, de que ela é alguém de mau caráter cujas escolhas a levaram àquela situação. É preciso ter muito cuidado com todas essas questões e estar disposto a dialogar de forma permanente. Se esse ambiente deixar de fazer mal e começar a fazer bem, isso pode ser a diferença no tratamento do alcoólatra.

Ajuda espiritual

Outra ajuda para alcoólatras muito importante em diversos casos é a ajuda espiritual. Não estamos falado necessariamente de religião, embora muitas delas façam trabalhos extraordinários de recuperação de dependentes do álcool. A pessoa pode buscar na espiritualidade forças e otimismo para enfrentar a situação, tendo um espaço de diálogo para desabafar sobre suas lutas diárias para se manter sóbrio. Um grupo que é internacionalmente conhecido por fornecer esse tipo de ajuda espiritual e emocional é o Alcoólicos Anônimos ou AA.

Ajuda profissional

Ajudas como a espiritual e a familiar são fundamentais na recuperação de um alcoólatra, mas elas não substituem a necessidade de ajuda profissional. Além de ser uma questão emocional, familiar, social e cultural, o alcoolismo já é enxergado como uma doença que exige um tratamento complexo há muito tempo.

Por esse motivo a família de um alcoólatra não deve hesitar em procurar ajuda procurar ajuda profissional. Existem diversas instituições que contam com equipes inteiras dedicadas a cuidar de pessoas que estão enfrentando problemas com o álcool. Em alguns casos é necessário inclusive que a pessoa esteja privada do convívio familiar, tamanho o nível de dependência, e essas instituições possuem a estrutura necessária para cuidar do alcoólatra nessas situações.

Leave a reply