Como a psiquiatria pode ajudar no tratamento do alcoolismo

O alcoolismo pode ser caracterizado pelo consumo abusivo de álcool. Com um padrão destrutivo do seu consumo que pode trazer problemas de saúde, como a intoxicação ou abstinência. Esses sintomas podem ser percebidos no dependente no âmbito físico e psíquico, sendo bem perigoso e desagradável. Saiba nesse artigo como a psiquiatria pode ajudar no tratamento do alcoolismo.

Nem todas as pessoas sabem que o alcoolismo é um transtorno mental, sendo o terceiro distúrbio psiquiátrico com mais números no mundo todo. Hoje em dia, cerca de 20% dos homens e 10% das mulheres, aproximadamente, tem problemas com o consumo excessivo de álcool.

Psiquiatria e alcoolismo

Quando o assunto é transtorno mental, é indicado que o atendimento seja realizado por um psiquiatra, pois ele é o especialista nesse tipo de condição. O álcool traz diversos problemas para o sistema nervoso central. Quando o consumo é exagerado, pode provar comprometimentos na fala, sedação, alteração na coordenação motora, entre outros.

A ingestão de álcool aumenta as situações de vulnerabilidade, onde a pessoa pode se expor a diversos riscos. A psiquiatria pode ajudar no tratamento do alcoolismo junto com o atendimento de diversos outros profissionais que podem contribuir para que o atendimento seja completo.

O alcoólatra quando ingere o álcool tem diversas sensações de prazer imediata, o que pode aumentar o descontrole na quantidade de bebidas. Com doses cada vez maiores, o dependente de álcool não se importa com o dano causado. Com o tempo, o prazer diminui, mas a pessoa continua bebendo para ter a sensação do começo.

Tratamento do alcoolismo

O tratamento do alcoolismo pode ser realizado em diferentes etapas, começando com uma desintoxicação através da realização da abstenção de álcool, junto com algum tipo de medicação e atendimento psiquiátrico. A terapia individual e familiar é bastante útil para que o paciente e família possam compreender melhor o problema.

É importante que o paciente saiba como lidar com as questões emocionais e físicas da condição em que se encontra. Com as sessões com psiquiatras e psicológicos, o problema pode ser tratado da melhor maneirai, resolvendo também as questões que vão além do alcoolismo, como ansiedade e depressão.

O suporte precisa ser continuo, através de um tratamento ambulatorial, internação ou no hospital. Também pode ser indicada a participação ode programas de ajuda mutua, tendo uma influência bastante positiva para a recuperação da dependência. Com um espaço acolhedor, o dependente consegue passar pela abstenção da bebida.

O alcoolismo demanda um atendimento completo para conseguir gerenciar as recaídas e fazer com que o paciente possa se adaptar a um novo estilo de vida, longe do álcool. Com uma clínica de recuperação, ele recebe o atendimento de diversos profissionais capacitados, incluindo o atendimento psiquiátrico para fornecer o auxílio mental necessário nessas condições. Cuidando da sua parte mental, o paciente também vai receber os cuidados para que o seu corpo se desintoxique.

O Grupo Reconduzir está pronto para realizar o acolhimento do paciente alcoólatra, oferecendo um espaço acolhedor e devidamente estruturado com profissionais capacitados e especializados para conduzir um tratamento para alcoolismo.

Leave a reply