Família na reabilitação de um alcoólatra

A família é extremamente importante no que se refere a reabilitação de um alcoólatra, isso porque o tratamento acaba sendo importante não somente para o dependente alcoólico, mas ainda para todos os que convivem com o mesmo.

Isso porque a família tende a ser o ponto forte da pessoa que é dependente justamente porque a mesma não consegue sozinha ir adiante para se livrar da dependência alcoólica. Geralmente a dependência alcoólica realmente é muita séria, sendo que seus impactos alcançam diretamente a família, relações profissionais e ainda os amigos da pessoa que é dependente.

Veja a importância da família na reabilitação de um alcoólatra

Deveras é preciso destacar que a família possui um papel de destaque na reabilitação de um alcoólatra e em partes isso acontece porque os mesmos são os principais envolvidos e ainda sofrem os impactos do vício, logo acabam tendo um papel essencial tanto na busca pelo tratamento quanto no sucesso desta reabilitação.

Sim durante o tratamento para livrar o paciente da dependência do alcoolismo, as metas principais propostas através do processo são as seguintes: redução de prejuízos psicossociais, abstinência, e ainda o tratamento de comorbidades psiquiátricas e clínicas que existem justamente devido ao uso prolongado do álcool.

Na realidade, quanto maior for o número de pessoas envolvidas nesse processo, claramente maiores acabam sendo as chances de sucesso no tratamento e na reabilitação de um alcoólatra, entre os mesmos o principal de fato é o apoio familiar.

Além do mais, durante o tratamento os familiares são as pessoas que mais mantêm contato com o paciente, sendo assim, é importante que a família busque sempre:

  • Buscar e estimular a realização de atividades capazes de ajudar ao dependente fazendo com que o mesmo invista sua energia em tarefas mais saudáveis, tais como: exercícios físicos, cursos, aulas, instrumentos, etc;
  • A família deve sempre observar o comportamento do paciente, sempre buscando orientá-lo sobre condutas que realmente possam ser prejudiciais ao seu tratamento do alcoolismo;
  • É importante que a família desestimule o contato do paciente com pessoas que possam influencia nesse processo negativamente, somente assim, será possível a reabilitação de um alcoólatra;
  • A família pode e é capaz de auxiliar, ajudar na permanência e na superação de obstáculos durante esse tratamento;
  • É importante acompanhar o paciente durante as reuniões principalmente quando o mesmo se sentir desestimulado;
  • A família pode e deve estimular contato com amigos que sejam conscientes do processo de tratamento do paciente;
  • A família deve demonstrar muito respeito e compreensão, sempre tentar não julgar;
  • Os familiares precisam reconhecer que a codependência existe e devem buscar ajuda para resolver esse problema;
  • Caso seja preciso a família precisará mudar seu ambiente familiar;
  • É importante que a família se mantenha atenta sobre as etapas e processos do tratamento para conseguir ajudar na reabilitação de um alcoólatra;

Para finalizar, é importante que a família tenha uma excelente interação e relação com os profissionais que estão tratando seu familiar, lembrando que isso acaba funcionando como uma excelente via de mão dupla, sendo que todos acabam sendo beneficiados no decorrer desse tratamento.

Leave a reply